• 30 de setembro de 2020

A noite é mais escura logo ao amanhecer

 A noite é mais escura logo ao amanhecer

A noite é mais escura logo ao amanhecer

A partir dessa compreensão que devemos encarar a atual situação mundial – advinda com atual pandemia da COVID-19. Em situação análoga o que temos de exemplo, é alguém muito conhecido de vocês – o físico e lendário, Isaac Newton.

Inclusive, em termos multidisciplinares – a referida descoberta influenciou a teoria casualista – ora já superada em nosso ordenamento jurídico pátrio, mas que consistia que dentro do universo há diversas causas – e uma destas causas é a conduta, cuja sua finalidade era irrelevante, pois a ação era entendida como o simples distender dos músculos (ZAFFARONI e PIERANGELI, 2015, p. 381-382).

Superada a questão – ora citada apenas para demonstrar para os ilustres leitores que nem tudo é caos – pois, embora toda tristeza em que o mundo se passa. Este período de quarentena adotado – pode servir para reflexão e autoconhecimento. Se não, para colocar outras pendências em ordem – como uma ampliação home office de suas atividades – dando continuidade a suas atividades após o caos – todavia, não exatamente como era.

Por que não? Porque neste período, não só o mundo pede uma pausa – isso sim, uma pausa em toda aceleração, em toda produção acima de qualquer coisa – afinal, estamos no âmbito criminal. O que falar da produção automatizada de fastfood processual? Afinal, sabemos que a questão era meramente quantitativa – em vez de qualitativa. Ainda que, estivéssemos tratando de direitos fundamentais.

E aqui não é diferente. Estamos sim, tratando de diretos fundamentais! Afinal, e não sendo egocêntrico – apenas, sensato em dispor que o advogado nada mais é – do que uma consciência alugada. Portanto, tratar de sua própria dignidade – pois deve conscientizar a si próprio – a ponto de conscientizar o próximo.

Partindo dessa questão, é que o Núcleo de Apoio a Advogados e Advogadas Criminalista me concederam espaço para trazer a vocês estas palavras – embasadas em uma simples reflexão – onde não precisamos criar a roda como Newton. Apenas valorizar o simples, e dedicar-se ao básico da nossa profissão, que afinal – não é isso? Buscamos sempre, dar efetividade aos Direitos e Garantias Fundamentais; que são irrenunciáveis.

Dito isso, por autorreflexão – indico aos ilustres colegas a adaptarem mais o home office em suas vidas – não só porque reduz os custos, mas otimiza o seu tempo e possibilita compartilhar momentos memoráveis com sua família. Que este período, seja útil para adotar essa prática – que ironicamente, é a sua prática atual. Mas, além disso – tem o mito que Advogado não é bom de matemática, mas questões financeiras são imprescindíveis para um empreendimento jurídico, seja ele com sede ou home office.

Independente da forma de negócio – torna-se indispensável que o advogado faça três pilares: (i) base operacional – que contém o relatório de contas a pagar, contas a receber, fluxo de caixa, política liberação/autorização, necessidade de capital de giro, gestão de custas processuais, estrutura contábil, política de cobrança e manual de procedimentos.

Em seguida, a (ii) base gerencial – que será feita com os dados recolhidos e consistirá em organização dos custos, análise econômica, análise por centro de custos, ponto de equilíbrio, planejamento financeiro, indicadores, processo de auditória. E por derradeiro, consistirá na (iii) base de precificação – que será o conceito da valorização do preço, modelo de cobrança de honorários, influência dos custos e despesas, fórmulas de precificação, influenciadores da margem de lucro, aplicabilidade nas áreas do direto, tabela interna de preços de honorários.

Por óbvio, esse trabalho de gestão não é ensinado nas faculdades de Direito do País, o que cria operadores do direito sem segurança econômica ou técnicas de negociações, elaborando uma atividade de forma desorganizada. Com isso, inicia-se uma insegurança – que pode ser extinta com uma simples tabela de excel – onde levantará a base operacional nessa quarentena, para consequentemente passar as demais. Todavia, caso você não tenha esses dados recolhidos – que tal, elaborar uma tabela para colher no próximo semestre? Assim, em 2021 poderá estabelecer tais metas – não profissionais, mas pessoais também. Você não é um, sem o outro – sua consciência é una.

Há uma forma prática e barata de realizar isso, através do One Drive – que lhe proporciona o Office 365, que contém além do word – que salvará automaticamente suas peças processuais enquanto a redige – também possui uma nuvem própria, onde você pode organizar as pastas de seus clientes e coloca-los em um escritório sem papeis – totalmente automatizado, facilitando o home office.

Sim, não é impossível conciliar todas as coisas – o necessário, é que tenhamos tempo e paciência para estruturar a própria advocatícia, e não existe uma fórmula mágica – pois cada um tem sua própria forma de organização. A chave não está nos outros, mas em você mesmo – como diz Clarice Lispector:

já que sou, o jeito é ser.

Então, uma boa reflexão em sua quarentena – e que você seja melhor, mais consciente, e principalmente – você mesmo, quando isso tudo passar – pois logo amanhecerá.


Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Então, siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

Samuel Firmino de Brito