Acusado de roubo se desespera ao reconhecer juíza como sua amiga de infância

Por Redação

Detido na segunda-feira (29/06/2015) como suspeito de roubo de veículo nos Estados Unidos, Arthur Booth, 49 anos, desesperou-se ao reconhecer, em seu julgamento, a juíza Mindy S. Glazer como uma velha amiga de infância.

“Senhor Booth, tenho uma pergunta. Você frequentou [a escola] Nautilus?”, questionou a juíza ao perceber o rosto do homem.Oh meu Deus! Oh meu Deus!”, disse Booth ao olhar para a magistrada.

Triste com o destino de seu amigo, a juíza deu conselhos para que o homem aprendesse a lição e mudasse de vida. “Sr. Booth, espero que você seja capaz de mudar seu comportamento. Boa sorte”. “Espero que seja capaz de sair desta situação e tenha uma vida boa.”, completou.

O caso aconteceu nesta terça-feira (30/06/2015). Veja a reação do preso:

https://www.youtube.com/watch?v=I5CMh8SMjOw

Comentários
Carregando...