Advocacia Criminal em tempos de Lockdown

Em tempos pandêmicos, é necessário nos moldarmos para tal situação, e uma delas é a atuação da Advocacia Criminal dentro de uma decretação de lockdown em Municípios e Estados. Sendo a Advocacia como atividade essencial, iremos abordar aqui, alguns ensinamentos de atuação na área Criminal.

- Publicidade -

Contudo, não é “receita de bolo” ou regra obrigatória, cabe a cada Criminalista fazer a sua estratégia dentro do caso concreto.

Advocacia Criminal

Então, vamos lá…

Primeiramente, temos que exemplificar que as medidas de restrições são extremas, então, o Advogado poderá atuar tanto em home office, quanto no seu escritório. Necessário garantir alguns itens a sua disposição, para qualquer caso de urgência que possa aparecer, são eles:

- Publicidade -

a) Procuração limpa; b) contrato de honorários limpo; c) cartão de visita; d) celular sempre carregado; e) bateria portátil; f) caneta; g) requerimentos pré-estabelecidos; h) token.

Como é notório na maioria das localidades que estão em lockdown, o judiciário para também (infelizmente), ocorrendo só as medidas extremas de urgência (como prisões em flagrante e audiências de custódia e impetrações de Habeas Corpus). Para isso, é necessário sempre andar com os itens acima expostos.

Vale lembrar que alguns processos criminais são acessados por meio eletrônicos e, neste período, mesmo que em pouquíssimos casos, há a realização de audiências virtuais.

Outro ponto importante é que o Criminalista sempre ande com a sua carteira da ordem em mãos, para apresentar em possível blitz de fiscalização pelas ruas. Também é necessário sempre ter em mãos a lista atualizada de números dos plantões do judiciário, delegacia civil e corregedoria da PM.

Acima de tudo, ter o contato do plantão da comissão de prerrogativas da sua secional, para qualquer violação de prerrogativas que possa ocorrer, você imediatamente entrar em contato.

- Publicidade -

Por fim, cabe destacarmos que todo Criminalista deve andar com a ética, cortesia e humildade na atuação do seu mister.

Andar também de forma combativa, sempre em defesa dos direitos que ali estão sendo atingidos e sempre defendendo a liberdade alheia da pessoa que nos confiou a responsabilidade.

Seja Criminalista Humanizado, Artesanal, Combativo e Colaborativo! Pois o melhor marketing é o do boca a boca, fazendo ecoar de norte a sul, aquele trabalho realizado com excelência.

Leia mais:

Entenda como identificar uma prisão ilegal e como agir diante disso


- Publicidade -

Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais