Advocacia CriminalArtigos

Advogado de bandido

Canal Ciências Criminais
advogado de bandido

Advogado de bandido

Tachar um advogado criminalista de bandido é o passatempo principal de algumas pessoas, geralmente pessoas comovidas com o crime cometido, o órgão acusador e até a imprensa sensacionalista.

Primeiramente, cabe salientar que o advogado é ESSENCIAL para a formação do tripé da justiça – JUIZ –ADVOGADO – MINISTÉRIO PÚBLICO.

Sem ele, não justiça.

Pois bem, é sabido que todos têm direito à defesa, que ninguém pode ser considerado culpado antes do trânsito em julgado da decisão. Entretanto, infelizmente, nos deparamos diariamente com críticos aos atuantes da área criminalista, somos apontados como bandidos, como criminosos por representarmos os acusados.

O advogado criminalista defende o DIREITO; ele está ali para garantir que o acusado não será cerceado da garantia CONSTITUCIONAL de se defender, de ficar calado, se assim optar, está ali para instruí-lo acerca da produção de provas.

Todos têm direito a um advogado, todos têm direito de ter garantido o seu direito de defesa. Independente do crime cometido, a defesa sempre tem que estar presente.

Em virtude disso, é inadmissível ouvirmos que os criminalistas são advogados de bandidos. Ouvir isso da população é ruim, mas compreensível, pois muitas vezes estão inflamados por notícias sensacionalistas e não tem conhecimento de causa. Agora, ouvir do Ministério Público, o qual tem formação idêntica e sabe o que consta na Constituição, é, no mínimo, escandaloso.

Por fim, demonizar o profissional da área penal é deixar de garantir o direito ao cidadão.

Art 133, da Constituição Federal

O advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei.

Para finalizar:

A profissão de advogado tem, aos nossos olhos, uma dignidade quase sacerdotal. Toda a vez que a exercemos com a nossa consciência, consideramos desempenhada a nossa responsabilidade (…) – Rui Barbosa


Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Então, siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

Continue lendo
Receba novidades em seu e-mail