NoticiasDireito Penal

Assalto em cartão postal do Rio: grupo de turistas foi alvo de criminosos armados

As vítimas foram amarradas e, posteriormente, os suspeitos fugiram

No último domingo, um conjunto de turistas foi alvo de um assalto ao iniciar a trilha do Costão do Pão de Açúcar, situada na região da Urca, ao sul da cidade do Rio de Janeiro. Essa área é de cunho militar. O Comando Militar do Leste (CML) foi procurado para comentar o assalto, mas ainda não se pronunciou. As vítimas são: dois indivíduos originários de Minas Gerais, dois espanhóis, um australiano e um guia local. A ação criminosa foi executada por dois homens que portavam um facão como arma. Após terem seus pertences subtraídos, as vítimas foram amarradas e, posteriormente, os suspeitos empreenderam a fuga.

canalcienciascriminais.com.br assalto em cartao postal do rio grupo de turistas foi alvo de criminosos armados turistas
Fonte: Band

Leia mais:

STJ nega pedido feito pela defesa de Robinho

Polícia prende suspeito de estupro que mandou mensagem para vítima e debochou da Justiça

As narrativas compartilhadas em plataformas de mídia social indicam que as vítimas foram rendidas em momentos distintos, mas foram todos levados para um mesmo ponto. Uma vez que os agressores escaparam, o guia conseguiu desatar as amarras usando um canivete. A delegada Patrícia Alemany, responsável pela Delegacia Especial de Atendimento ao Turista (Deat), relatou que até o presente momento apenas um dos turistas entrou em contato com a autoridade policial. De acordo com a delegada, até o momento, somente uma vítima se apresentou.

A equipe de relações públicas do Parque Bondinho Pão de Açúcar confirmou o incidente envolvendo o grupo de turistas

canalcienciascriminais.com.br assalto em cartao postal do rio grupo de turistas foi alvo de criminosos armados turistas 1
Fonte: O Globo

O relato é bastante confuso. Não está claro se havia um ou dois indivíduos envolvidos no assalto. Ela ainda planeja colher depoimentos de outras testemunhas para esclarecer o ocorrido. Uma declaração feita pela equipe de relações públicas do Parque Bondinho Pão de Açúcar confirmou o incidente envolvendo o grupo de turistas e enfatizou que o parque não tem responsabilidade sobre a segurança da trilha Claudio Coutinho nem da trilha do Morro da Urca.

“Houve, de fato, um assalto a um grupo de turistas no início da trilha. Foi um fato isolado, uma vez que esta é uma das trilhas mais seguras do Rio. Mas é importante deixar claro que o Parque Bondinho Pão de Açúcar não é responsável pela segurança da pista Claudio Coutinho e nem da trilha do Morro da Urca. A segurança deste trecho é responsabilidade dos órgãos de segurança. O Parque Bondinho adotou a trilha e a pista, porém para manutenção e manejo de espécies vegetais, visando a recuperação de espécies nativas”.

Fonte: Extra

Daniele Kopp

Daniele Kopp é formada em Direito pela Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC) e Pós-graduada em Direito e Processo Penal pela mesma Universidade. Seu interesse e gosto pelo Direito Criminal vem desde o ingresso no curso de Direito. Por essa razão se especializou na área, através da Pós-Graduação e pesquisas na área das condenações pela Corte Interamericana de Direitos Humanos ao Sistema Carcerário Brasileiro, frente aos Direitos Humanos dos condenados. Atua como servidora na Defensoria Pública do RS.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo