Noticias

Antes de infartar, assassino de Daniella Perez fez vídeo que irritou artistas

Revelações polêmicas: O último pedido de perdão do assassino Guilherme de Pádua antes de sua morte

Em um evento que reacendeu as feridas do brutal assassinato de 1992, o ator Guilherme de Pádua, condenado pela morte da atriz Daniella Perez, fez um pedido público de perdão pouco antes de falecer em 6 de novembro de 2022. O assassinato da jovem atriz, ocorrido em 28 de dezembro de 1992, voltou a ser um tópico de discussão em agosto, principalmente após o lançamento do documentário “Pacto Brutal” pela HBO Max.

ASSASSINO
Antes de infartar, assassino de Daniella Perez fez vídeo que irritou artistas 3

LEIA MAIS:

Goleiro Bruno leva indenização de R$ 30 mil por capa de livro sobre Eliza Samúdio

Caso Hyara: polícia conclui que adolescente foi morta em brincadeira por cunhado de 9 anos

Voltando ao passado, assassino de Daniela Perez

A morte de Daniella, filha da renomada autora Glória Perez, chocou o Brasil. O crime foi planejado por Guilherme, que tentava ganhar mais destaque na trama da novela na qual atuava com Daniella, e executado por ele e sua esposa, Paula Thomaz. O assassinato aconteceu após saberem que o papel de Guilherme na trama seria reduzido. Os relatos da época indicam que Daniella foi emboscada em um posto de gasolina, forçada a entrar em um carro e, posteriormente, foi assassinada com 18 golpes de punhal em um matagal.

O pedido de perdão

Após ser condenado a 19 anos de prisão e cumprir apenas um terço da pena, Guilherme de Pádua conseguiu a liberdade. Contudo, a recente exibição do documentário trouxe de volta críticas e ameaças. Em resposta, no dia 2 de agosto, o ator divulgou um vídeo no YouTube pedindo perdão. Em um tom emocionado, fez declarações como: “Jamais esqueci daquele encontro na carceragem. Raul Gazolla (marido de Daniella), eu te peço perdão.”

Pádua também refletiu sobre sua conversão religiosa, admitindo dúvidas e conflitos internos: “Muitas pessoas, inclusive cristãs, têm me julgado e declarado que não acreditam na minha conversão (…) Não sou uma pessoa normal. Alguém que cometeu crime tem mil pensamentos que não são comuns”.

ASSASSINO
Antes de infartar, assassino de Daniella Perez fez vídeo que irritou artistas 4

Reações da classe artística

O vídeo desencadeou uma enxurrada de reações no meio artístico. Marcelo Serrado expressou sua indignação com emojis de vômito. Adriane Galisteu manifestou sua aversão ao ator: “Não consigo nem olhar para a cara dele.” Já Giovanna Antonelli fez um comentário mais incisivo: “Tinha que estar na cadeira elétrica.”

O legado de Glória Perez

Enquanto a tragédia é relembrada, é importante também destacar o legado de Glória Perez, mãe de Daniella. Ao longo dos anos, Glória se destacou por suas tramas envolventes que conectavam diferentes culturas, como em “O Clone”, “Caminho das Índias” e “A Força do Querer”. Seu trabalho mais recente, “Travessia”, foi ao ar entre outubro de 2022 e maio de 2023.

O assassinato de Daniella Perez e as consequentes declarações de seu assassino continuarão a ecoar na memória coletiva brasileira. E você, qual sua opinião sobre o recente pedido de perdão do assassino Guilherme de Pádua?

Redação

O Canal Ciências Criminais é um portal jurídico de notícias e artigos voltados à esfera criminal, destinado a promover a atualização do saber aos estudantes de direito, juristas e atores judiciários.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo