NoticiasDireito Penal

Ator Kevin Spacey irá a julgamento nesta semana por crimes sexuais no Reino Unido

O premiado ator Kevin Spacey, vencedor de um Oscar, deve comparecer a um tribunal em Londres nesta quarta-feira (28) para o início de seu julgamento, que terá duração de quatro semanas. Ele enfrenta várias acusações de crimes sexuais, que ele nega veementemente. As acusações incluem conduta indecente, agressão sexual e um crime mais grave de envolvimento em atividade sexual com penetração sem consentimento, o que pode resultar em prisão perpétua.

Leia mais:

Libertado após 3 anos: Justiça reconhece prisão injusta e expõe falhas no sistema penal

Madeleine McCann: Nova análise em Portugal não traz avanços significativos na investigação

No ano passado, Spacey foi considerado inocente em um processo civil relacionado a abuso sexual

No ano passado, Spacey foi considerado inocente em um processo civil relacionado a abuso sexual, no qual Anthony Rapp o acusava de tê-lo abusado quando tinha 14 anos. O ator afirmou que nunca esteve sozinho com Rapp. O julgamento no Tribunal de Southwark Crown, em Londres, deve começar nesta quarta-feira com a seleção do júri, e a acusação formal pode ser iniciada no final desta semana ou na próxima.

canalcienciascriminais.com.br ator kevin spacey ira a julgamento nesta semana por crimes sexuais no reino unido spacey
Fonte: Gshow – Globo

Spacey, conhecido por seus papéis em “Beleza Americana” (1999) e “Os Suspeitos” (1995), foi diretor artístico do teatro Old Vic em Londres de 2004 a 2015. Os promotores britânicos revelaram pela primeira vez que ele enfrentava acusações em maio de 2022 e envolvimento em cinco agressões ocorridas entre março de 2005 e abril de 2013, sendo quatro em Londres e uma em Gloucestershire, no oeste da Inglaterra. Os incidentes envolvem um homem na faixa dos 40 anos e dois homens na faixa dos 30 anos.

Fonte: G1

Daniele Kopp

Daniele Kopp é formada em Direito pela Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC) e Pós-graduada em Direito e Processo Penal pela mesma Universidade. Seu interesse e gosto pelo Direito Criminal vem desde o ingresso no curso de Direito. Por essa razão se especializou na área, através da Pós-Graduação e pesquisas na área das condenações pela Corte Interamericana de Direitos Humanos ao Sistema Carcerário Brasileiro, frente aos Direitos Humanos dos condenados. Atua como servidora na Defensoria Pública do RS.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo