• 30 de maio de 2020

Mariana Galli

Advogada criminalista

O mercado jurídico não tem mais espaço para o modelo de advocacia “clínica geral”

O mercado jurídico não tem mais espaço para o modelo de advocacia “clínica geral” Desde quando fora concedido aos advogados o título de “Doutor”, sempre fora tal nomenclatura utilizada como honraria, uma diferenciação. Há tempos atrás, país desejavam que seus filhos fossem advogados pelo status que por si só o exercício da profissão lhes trazia. […]Leia Mais

CNJ aprova resolução aplicada ao Tribunal do Júri

CNJ aprova resolução aplicada ao Tribunal do Júri Nesta terça-feira (08), foi aprovado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) uma nova resolução relacionada aos crimes contra a vida, cuja competência para julgamento é do Tribunal do Júri. CNJ aprova resolução Tais inovações foram trazidas com o fito de dar mais celeridade ao julgamento de processos […]Leia Mais

Os advogados criminalistas devem dominar o uso da palavra

Os advogados criminalistas devem dominar o uso da palavra A atuação na área criminal demanda o uso sábio das palavras. Claro que tal preceito se aplica a todos os ramos de direito, mas na área penal este se torna mais denso em razão da profundidade do tema: prática de crimes. No ramo penal a oralidade […]Leia Mais

Vale a pena fazer sustentação oral na Advocacia Criminal?

Vale a pena fazer sustentação oral na Advocacia Criminal? A sustentação oral consiste na exposição verbal das razões do pedido, feita por advogados, perante o Tribunal. Diante deste conceito, podemos notar que a sustentação oral nada mais é do que um mecanismo de defesa a ser utilizado pelo(a) advogado(a) antes do julgamento de seu pedido […]Leia Mais