• 30 de outubro de 2020

Marion Bach

Advogada (PR) e Professora

O encarceramento do usuário de droga e a miopia dos tribunais

O encarceramento do usuário de droga e a miopia dos tribunais A Lei de Drogas completa a primeira década. O Superior Tribunal de Justiça (STJ), ciente de que, mesmo após dez anos de discussões e polêmicas, ainda são muitos os pontos que carecem de melhor reflexão, realiza nesse mês o seminário “10 Anos da Lei […]Leia Mais

Crimes sexuais e a poltrona da desproporcionalidade

Crimes sexuais e a poltrona da desproporcionalidade Comecemos com a história do João. Dezoito anos, comemorados há um mês. Ainda não tirou a carteira de motorista e nem decidiu o que fazer no vestibular. Parece tão cedo para decidir. Ele ainda gosta de jogar futebol na cancha do prédio. Será que dá tempo de ser […]Leia Mais

O julgamento de O. J. Simpson: spoiler, linhas e entrelinhas

Não é. Mas, para muitas pessoas, o spoiler deveria ser um fato típico. Leia-se: é fato tão grave que deveria ser previsto na lei como criminoso. E é exatamente o que passo a fazer. Spoiler. É que o primeiro tema dessa coluna é a série The People v. O. J. Simpson: American Crime Story, sobre […]Leia Mais

Os desodorantes aos olhos da Suprema Corte

Os desodorantes aos olhos da Suprema Corte Sete de fevereiro de 2017. Os ministros que integram a 2a Turma do Supremo Tribunal Federal se dividiram quando da votação do HC 137290/MG. Os olhos da sociedade acompanharam a apertada votação. Três votos a dois. O caso? Uma mulher que, em 2011, havia furtado (para quem não possui […]Leia Mais

A criminalização do preço do frango grelhado

A criminalização do preço do frango grelhado Há quem deteste almoçar sem companhia. Eu adoro. Por diferentes razões. O primeiro: é um dos poucos momentos em que consigo ficar em silêncio. Nos demais momentos do dia, falo. Em sala de aula, em sala de audiência, na sala de reunião ou na sala de casa. Segundo: […]Leia Mais

Ressocialização? Piada pronta (e de mau gosto)!

Ressocialização? Piada pronta (e de mau gosto)! Na primeira coluna do ano, registramos, com alívio, a despedida de 2016, ano economicamente preocupante, politicamente obscuro, socialmente aflitivo e eticamente dramático. Segunda coluna e confessamos a relutância em reconhecer que, talvez – ah, a estranha mania de ter fé na vida… -, 2017 esteja trilhando o mesmo […]Leia Mais

O namoro de Tati Quebra Barraco e Immanuel Kant

O namoro de Tati Quebra Barraco e Immanuel Kant Agora que 2017 já nos deu as boas-vindas, podemos confessar sem medo de retaliação: 2016 foi um ano difícil. O cenário desolador se estendeu pelo campo político, econômico, social e ético. Quando o ano estava quase se despedindo, já nos dias quentes de dezembro, Yuri Lourenço […]Leia Mais

Teorias da pena em laço vermelho: um presente aos leitores

“Segunda-feira eu inicio a dieta, sem falta!” Que atire a primeira pedra quem, por promessa feita, superstição velada ou procrastinação assumida, nunca planejou iniciar um projeto no começo da semana, do mês ou do ano. Pois cá estamos, nos dias que encerram o ano, dando início à presente coluna. Fácil explicar a razão da contramão. O […]Leia Mais