- Publicidade -

Cantor Belo é preso por aglomeração após realizar show no Complexo da Maré

- Publicidade -

O cantor Belo foi preso após realizar um show no Complexo da Maré, sob a acusação de ter promovido aglomeração, contribuído com a disseminação do coronavírus e, com isso, colocado a vida de diversas pessoas em risco.

- Publicidade -

De acordo com a notícia, a Polícia Civil do Rio de janeiro (PC-RJ), em operação denominada “É o que eu mereço”, nome de uma das músicas do artista, foram expedidos quatro mandados de prisão, sendo um deles em face do cantor Belo (Marcelo Pires Vieira), além de um para o chefe do tráfico no Parque da União, Jorge Luiz Moura Barbosa (Alvarenga); e dois para os sócios da produtora Série Gold, Célio Caetano e Henriques Marques, responsáveis pela realização do evento.

Além dos mandados de prisão, foram expedidos cinco mandados de busca e apreensão, tendo sido apreendido dinheiro e duas pistolas na casa do cantor, ambas as armas registradas em nome de Belo; bem como equipamentos e aparelhagem de som na sede da produtora Série Gold.

Segundo informações da Polícia Civil, todos os quatro são investigados pela prática dos crimes de infração de medida sanitária, crime de epidemia, invasão de prédio público e associação criminosa.

Importante destacar que a realização do show foi em uma escola estadual, sendo que não possuíam autorização sanitária, além de também ser investigado se houve invasão da escola, eis que algumas salas de aula foram utilizadas como camarotes.

- Publicidade -

Ao prestar declarações, Belo declarou que

- Publicidade -

Até agora eu não entendi o que eu fiz para estar passando por essa situação. Quero saber qual o crime que eu cometi. Subi no palco e cantei.

Leia mais:

STJ: ausência de intimação para sustentação oral anula sessão de julgamento


Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

- Publicidade -

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais