Noticias

Caso Kat Torres: novo podcast de Chico Felitti investiga a real história de coach acusada de tráfico humano

O caso Kat Torres: redes sociais colocam holofotes em possível tráfico humano e chantagem emocional

Um ano atrás, em outubro de 2022, um caso estrondoso e controverso tomou dimensões gigantescas nas redes sociais: duas jovens brasileiras supostamente vítimas de tráfico humano. Esse incidente ímpar colocou os holofotes em uma figura conhecida no mundo das subcelebridades do Brasil e do exterior: a coach Katiuscia Torres Soares, popularmente conhecida como Kat A Luz.

Relatos de familiares e amigos surgiram na web, acusando Kat de liderar um culto vinculado a uma rede de prostituição. O portal Metrópoles foi o primeiro a publicar informações a respeito, e rapidamente a notícia espalhou-se pela imprensa, resultando em desdobramentos jurídicos.

Caso Kat Torres
Imagem: O Globo

Leia mais:

Homens negros e jovens são as principais vítimas de homicídios dolosos no Espírito Santo

Covid: 62% da população atribuem conduta criminosa do governo Bolsonaro na pandemia

Detenção de Kat Torres

Enquanto a trama se tornava cada vez mais complexa, Chico Felitti, um renomado podcaster brasileiro e autor dos best-sellers “A Mulher da Casa Abandonada” e “O Ateliê”, decidiu investigar a história a fundo. Ele buscou entender como Kat Torres transitou da figura de uma “suposta ex-namorada de Leonardo Di Caprio” para uma possível criminosa. Assim nasceu o podcast “A Coach”, produzido em parceria com a Wondery, da Amazon Music, lançado no dia 27 de setembro de 2023.

Kat Torres foi detida no ano passado pela imigração americana e deportada para o Brasil, onde permanece presa. Para contar essa história de forma mais aprofundada, Chico Felitti não se limitou a visitar o Complexo Penitenciário Santo Expedito, em Bangu, no Rio de Janeiro, onde Kat está encarcerada. Ele foi além, investigando como os primeiros relatos sobre a paraense emergiram na imprensa internacional e entrevistando personagens ainda desconhecidos para os que acompanham a história desde o início.

Como as redes sociais contribuíram para o caso?

A influência das redes sociais nesse episódio é inegável. Chico dedicou um episódio inteiro desse fenômeno, mostrando como as redes sociais podem ser tanto um palco para especulações e teorias de conspiração infundadas, quanto uma ferramenta poderosa para descobrir informações legítimas que ajudam nas investigações e na denúncia de possíveis crimes.

O caso de Kat Torres é um exemplo intrigante e alarmante do poder das redes sociais, mostrando que, enquanto elas podem servir para disseminar mentiras e boatos, também podem ser uma força do bem, ajudando a desvendar crimes e trazendo justiça para as vítimas.

Fonte: Metrópoles

Redação

O Canal Ciências Criminais é um portal jurídico de notícias e artigos voltados à esfera criminal, destinado a promover a atualização do saber aos estudantes de direito, juristas e atores judiciários.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo