• 5 de dezembro de 2020

CNJ instaura reclamação disciplinar para apurar conduta do juiz do caso Mariana Ferrer

 CNJ instaura reclamação disciplinar para apurar conduta do juiz do caso Mariana Ferrer

CNJ instaura reclamação disciplinar para apurar conduta do juiz do caso Mariana Ferrer

A Corregedoria Nacional de Justiça, órgão vinculado ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ), instaurou expediente para apurar a conduta do juiz de Direito Rudson Marcos. A reclamação disciplinar pretende analisar a condução do magistrado durante a audiência no processo criminal movido contra André de Camargo Aranha, no caso Mariana Ferrer.

Na reclamação, que tramita sob o nº 0009128-73.2020.2.00.0000, a Corregedoria Nacional de Justiça requisitou informações à Corregedoria-Geral do TJSC, para verificar se o magistrado já praticou conduta similar em outros processos.

A verificação sobre a conduta do magistrado em Santa Catarina será acompanhada pela Comissão Permanente de Políticas de Prevenção às Vítimas de Violências, Testemunhas e de Vulneráveis do CNJ, composta pelas conselheiras Maria Cristiana Ziouva e Ivana Farina e pelo conselheiro Marcos Vinícius Jardim.

Leia mais: 

Em vídeo, especialista analisa o caso Mariana Ferrer


Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Então, siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

Redação

O Canal Ciências Criminais é um portal jurídico de notícias e artigos voltados à esfera criminal, destinado a promover a atualização do saber aos estudantes de direito, juristas e atores judiciários.