- Publicidade -

CNJ: mortes por Covid-19 em presídios aumentam 24% em 1 mês

- Publicidade -

Conforme dados atualizados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), constatou-se um aumento de 24,2% nas mortes por Covid-19 nas unidades prisionais do Brasil nos últimos 30 dias. Desse modo, a tendência de óbitos segue em alta e afeta tanto os custodiados quanto os servidores.

- Publicidade -

Mortes por Covid-19

As informações são colhidas pelo Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e também pelo Sistema de Execução de Medidas Socioeducativas, que apontam 83.587 casos e 431 óbitos registrados desde o início da pandemia. O agrupamento das informações depende da comunicação das autoridades locais e todas as informações são disponibilizadas pelo CNJ.

Constam também dados sobre a realização de testes para detecção de Covid-19 nos estabelecimentos: em 25 estados da Federação, 21.404 adolescentes privados de liberdade e  25.321 servidores fizeram o teste. Paraíba e Minas Gerais não repassaram dados sobre a testagem.

Já nas unidades penitenciárias, foram realizados 70.278 testes em servidores e 282.119 nos detentos. O Ceará informou ter efetuado 20.039 testes de detecção, mas não discriminou a quais grupos.

- Publicidade -

Outro dado fornecido diz respeito à disponibilização de equipamentos de proteção individual (EPIs), ao fornecimento de água e material de higiene e limpeza, alimentação, bem como de medicamentos e equipes de saúde. São distinguidas as informações dos estabelecimentos socioeducativos e unidades prisionais estaduais e federais.

- Publicidade -

Vinte e cinco estados informaram quanto à destinação de verbas pecuniárias para enfrentamento à pandemia em diferentes frentes, somando-se o total de R$ 87,2 milhões, entre recursos federais e estaduais. Outros R$ 14 milhões foram repassados por outras fontes a dez estados.

*Esta notícia não reflete, necessariamente, o posicionamento do Canal Ciências Criminais

Leia mais:

Saiba como aumentar a chance de revogar uma prisão


- Publicidade -

Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais