Noticias

Gigantes da tecnologia unem forças para combater deepfakes e desinformação

Em mais um esforço de combater a desinformação, Adobe, Google, Meta, Microsoft, OpenAI, TikTok e outras empresas de tecnologia unem forças em um projeto inédito no setor. O objetivo é desenvolver técnicas que identifiquem, rotulem e controlem imagens, vídeos e áudios gerados por Inteligência Artificial (IA), que possam ser usados para enganar eleitores.

Este projeto vem em um momento delicado, em que as gigantes da tecnologia enfrentam grande pressão devido a preocupações com o uso impróprio de certos aplicativos de IA dentro do contexto político. “Estamos trabalhando juntos para alcançar esse objetivo compartilhado”, afirmaram as empresas em comunicado.

Gigantes da tecnologia unem forças para combater deepfakes e desinformação
Foto: SOLÈNE REVENEY POUR/LE MONDE

Leia mais:

Ex-presidente Trump leva à Suprema Corte luta por imunidade contra vários processos

Santa Catarina cria Dia Estadual de Combate ao Racismo no Esporte: Entenda!

Como as empresas irão combater tais problemas?

A proposta é implementar uma marca d’água padrão que identifique claramente as imagens geradas por aplicativos das empresas participantes, como ChatGPT, Copilot e Gemini (antes Bard). Este esforço conjunto foi primeiramente noticiado pelo The Washington Post, que revelou a existência do projeto.

Deepfakes e Política

A preocupação com a utilização de deepfakes no cenário político vem crescendo à medida que a tecnologia se torna mais acessível. No último mês, um exemplo disto veio à tona: uma ligação automática feita por um robô fingindo ser o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pediu para as pessoas não votarem nas primárias de New Hampshire. A mensagem alcançou dezenas de milhares de eleitores.

Atentas a esta realidade, as grandes empresas tecnológicas estão empenhadas em garantir que a inteligência artificial seja utilizada de maneira ética e transparente. A medida é um passo significativo, destacando-se a iniciativa como um marco no compromisso das organizações em identificar e combater a desinformação.

Fonte: UOL

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo