Noticias

Inscrições abertas: Comissão Especial de Estudos de Ciências Psicológicas

Ciências Psicológicas

Inscrições abertas: Comissão Especial de Estudos de Ciências Psicológicas

Estão abertas as inscrições para compor a Comissão Especial de Estudos de Ciências Psicológicas! Coordenada pelo Advogado André Parmanhani, a comissão tem o objetivo de promover estudos relacionados ao tema da medida de segurança e sua aplicabilidade, perpassando pela Criminologia e pelas Ciências Psicológicas no que tange à realização de laudos que indicam a periculosidade do agente.

Comissão Especial de Estudos de Ciências Psicológicas

Dada a escassez de produção científica brasileira no âmbito da aplicação e execução das medidas de segurança, os membros da Comissão terão a oportunidade de produzir artigos acadêmicos na área, que  integrarão uma publicação inédita com o selo da Editora Canal Ciências Criminais.

Metodologia

A metodologia adotada consiste na revisão bibliográfica dos temas relacionados à aplicação e execução das medidas de segurança, além de estudos de casos. O material será disponibilizado do decorrer do estudo da comissão pelo coordenador.

Estudos

Todas as discussões serão realizadas por meio virtual, incluindo a formação de um ou mais grupos de WhatsApp, de modo a ampliar e facilitar o contato entre os participantes.

Tem interesse em integrar a Comissão?

Envie seu nome completo, breve currículo com formação acadêmica (com menção de eventual experiência na pesquisa) e telefone (com WhatsApp) para o e-mail cecp@canalcienciascriminais.com.br – considerando que as vagas são limitadas, o coordenador selecionará, dentre os e-mails recebidos, os membros para integrar a Comissão.


Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Então, siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

Autor

O Canal Ciências Criminais é um portal jurídico de notícias e artigos voltados à esfera criminal, destinado a promover a atualização do saber aos estudantes de direito, juristas e atores judiciários.
Continue lendo
JurisprudênciaNoticias

STJ: assistente de acusação pode arrolar testemunhas, desde que respeitado o limite de 5 pessoas

JurisprudênciaNoticias

Ministro do STJ repudia tese de legítima defesa da honra em caso de feminicídio

Noticias

Ladrões são presos em flagrante após furar o fundo de cofre de agência bancária

JurisprudênciaNoticias

STJ: há tentativa de latrocínio quando a morte da vítima não se consuma por razões alheias à vontade do agente

Receba novidades em seu e-mail