- Publicidade -

Defesa de mãe de Henry a questiona se ela vai morrer abraçada a Jairinho

- Publicidade -

Um dos advogados da mãe de Henry Borel, Monique Medeiros, afirmou que se viu na necessidade de mudar de postura quanto ao caso. Nesse sentido, questionou à Monique: Você vai querer morrer abraçada a Jairinho?”. A resposta dada pela investigada não foi divulgada, mas Monique mudou de versão nos últimos depoimentos prestados à Polícia.

- Publicidade -

Mãe de Henry

Conforme divulgado, Monique vêm mudando sua versão dos fatos e até admitiu que mentiu no primeiro depoimento prestado.

Em primeiro momento, a mãe de Henry afirmou que foi ela quem encontrou o garoto caído no chão do quarto no dia de sua morte (08 de março). No entanto, Monique foi presa e mudou sua versão, apontando que ao chegar ao cômodo, avistou Jairinho do lado do corpo de Henry, bem como foi obrigada a criar uma versão que fosse benéfica ao padrasto do menino.

A defesa de Monique tenta negociar com a Polícia para que seja colhido um novo depoimento, já que a nova versão ainda não foi colhida oficialmente. Todavia, o delegado afirmou que não deve ouvi-la novamente pois já constam elementos suficientes para o indiciamento.

- Publicidade -

O caso vem sendo investigado pela 16ª Delegacia de Polícia na Barra da Tijuca, tendo como delegado titular Henrique Damasceno que, por sua vez, adiantou que deverá indiciar Monique e Jairinho pelo crime de homicídio qualificado pelo emprego de tortura e por ter sido praticado sem possibilidade de defesa da vítima.

- Publicidade -

Assim, com o relatório final do inquérito policial, o caderno investigado deve ser remetido ao promotor Marcos Kac, do Ministério Público do Rio, para que faça uma análise sobre a prisão temporária do casal, bem como pelo oferecimento, ou não, da denúncia contra os dois. O caso deve ser encaminhado ao II Tribunal do Júri do Rio de Janeiro, de titularidade da juíza Elizabeth Louro Machado.

*Esta notícia não reflete, necessariamente, o posicionamento do Canal Ciências Criminais

Leia mais:

Saiba como aumentar a chance de revogar uma prisão


- Publicidade -

Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais