Noticias

Deflagrada operação contra crimes ambientais em terra indígena do Pará

O Ministério da Justiça e Segurança Pública, juntamente com a Polícia Federal e agentes da Força Nacional, deflagraram operação visando a proteger o território indígena Xipaia, no município de Altarmia, no Estado do Pará. De acordo com as autoridades, o território estava sendo invadido por criminosos que estariam cometendo diversos crimes ambientais

Segundo o delegado da Polícia Federal, chefe do serviço de repressão a crimes contra comunidades indígenas, Paulo Teixeira, eles receberam a denúncia sobre a invasão da terra indígena na última quinta-feira (14/03) e imediatamente as forças policiais deram início aos preparativos da operação. Segundo o delegado:

Imediatamente começamos os preparativos ainda de madrugada para o envio das equipes que protegerão essa área em que está a aldeia Karimãa, da etnia Xipaia

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra a cacica Juma Xipaia relatando que uma balsa de garimpo ilegal teria passado descendo o rio Iriri em direção à reserva indígena:

Guerreiros das outras aldeias estão descendo com o objetivo de tentar um diálogo, para que eles (os invasores) saiam do território, mas nós estamos com medo.

O delegado Paulo Teixeira informou que até o momento não foram registrados nenhum conflito grave entre os índios e os garimpeiros, e que a FUNAI está acompanhando os indígenas e em contato com os agentes de segurança a todo momento.

Leia também

CNJ vai lançar manual internacional sobre uso de algemas em tribunal


Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo