NoticiasCrime e CríticaCriminologia

Família clama por justiça após mulher ser morta pelo marido no DF, diz irmã da vítima.

Tragédia familiar choca comunidade no Distrito Federal

Na tranquila noite de segunda-feira (13/5), um trágico incidente abalou a comunidade de Itapoã, Distrito Federal. Simone Santos Ribeiro, 41 anos, foi brutalmente assassinada a facadas em sua própria residência, tendo seu ex-companheiro, Maiqui Pedro dos Santos, 33 anos, como o principal suspeito. A violência ocorreu na presença da filha do casal, uma pequena criança de apenas 1 ano de idade.

familiar
Imagem: reprodução/ Metrópoles

LEIA MAIS:

Suspeito de lesar vítimas com o ‘Jogo do Tigrinho’ está nos Emirados Árabes Unidos

Caso chocante no interior de São Paulo: vídeo registra momentos que antecedem o crime

Repercussão e desespero entre família e amigos

A notícia do feminicídio rapidamente se espalhou, causando desespero e revolta entre familiares e amigos. A irmã da vítima, em depoimento emocionado, clamou por justiça e expressou sua dor ao descobrir o ocorrido por meios de notícias, citando a angústia de não conseguir contato com Simone no momento dos fatos. A cena do crime, descrita como repleta de sangue, foi isolada, impedindo que os familiares entrassem na casa.

Prisão e confissão do suspeito

Após uma tentativa de fuga para uma área rural no município de Unaí, Minas Gerais, Maiqui foi detido e levado para a 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá). Em depoimento, ele confessou o crime cometido contra sua ex-companheira. A investigação aponta que o suspeito planejou o ataque com premeditação, escalando o muro de uma escola próxima e forçando sua entrada pela janela da residência de Simone, o que caracteriza ainda mais a gravidade do ato.

Consequências e apoio à criança sobrevivente

O suspeito será indiciado por homicídio qualificado, com agravantes que podem levar a uma sentença de até 45 anos de prisão. A criança, que presenciou o trágico evento, foi encontrada em bom estado e está sob os cuidados dos avós paternos. Contudo, familiares maternos manifestaram desejo de assumir sua tutela, preocupados com o bem-estar da pequena.

Comunidade em luto e apelo por justiça

O velório de Simone está programado para ocorrer na tarde de quarta-feira (15/5) no cemitério de Planaltina, onde amigos e familiares se reunirão para prestar suas últimas homenagens e reforçar o apelo por justiça e medidas mais rigorosas contra o feminicídio. A comunidade local, abalada, discute formas de aumentar a segurança e prevenir tais incidentes no futuro.

Este incidente nos lembra dolorosamente da urgência em combater a violência doméstica e proteger as vítimas dessa terrível realidade. É fundamental que como sociedade, apoiemos as vítimas e trabalhemos juntos para erradicar essa violência.

familia
Imagem: reprodução/ Metrópoles

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo