Flávio Dino denuncia à polícia ataque verbal sofrido em seu prédio no DF

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, foi hostilizado verbalmente em um prédio em Brasília no domingo, 29 de janeiro.

Flavio Dino foi hostilizado em prédio em Brasília; Suspeito o chamou de “ladrão”

Um morador de um edifício no Sudoeste, no centro do Distrito Federal, teria xingado o ex-governador de “ladrão” e ofendido os seguranças que o acompanhavam. O suposto agressor não foi identificado. 

O caso foi registrado como desacato na delegacia do Cruzeiro, região próxima ao centro da capital federal.

A polícia deve ouvir o acusado dos xingamentos nesta segunda-feira, 30 de janeiro. Provavelmente, ele deve assinar um termo circunstanciado e ser liberado. 

Dino, 54 anos, é advogado e professor. Foi deputado federal pelo Maranhão em 2007, quando era filiado ao PC do B, presidente da Embratur de 2011 a 2014 e governador do Maranhão, de 2015 a 2022. Em junho de 2021, migrou para o PSB para disputar a eleição ao Senado e foi eleito com 62,41% dos votos válidos no Estado nas eleições gerais de 2022. 

Além do ministro, seus seguranças também teriam sido hostilizados ao serem chamados de “cachorros do Dino”.

Fonte: UOL