Noticias

Grávida agredida pelo marido é salva pela polícia durante blitz; entenda a história

A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) estava realizando uma blitz na rodovia MG-181, em João Pinheiro, noroeste de Minas Gerais, quando salvou uma mulher de 21 anos, grávida de 7 meses, que havia sido agredida pelo próprio marido, também de 21 anos.

Durante a abordagem ao veículo, os militares perceberam que a passageira estava bastante nervosa e com marcas de agressão. De acordo com a jovem, eles estavam passeando por Santa Cruz de Minas e de repente, ela foi agredida pelo companheiro com vários socos em seu rosto, aparentemente sem motivo.

A jovem não foi socorrida, já que logo em seguida eles entraram no carro e seguiam para o sítio onde moram até serem parados na blitz.

canalcienciascriminais.com.br gravida agredida pelo marido e salva pela policia durante blitz entenda a historia image
Foto: PMRV/Reprodução

Leia mais:

TJMG mantém condenação de Nikolas Ferreira por danos morais contra Duda Salabert

Justiça com as próprias mãos? Moradores de Copacabana organizam ‘força-tarefa’ para combater assaltos

Marido estava embriagado e sem carteira

Quando os agentes da polícia que estavam no local fizeram a abordagem, eles perceberam que o rapaz, que estava dirigindo o veículo, apresentava sinais de embriaguez, além de ter se recusado a realizar o teste do bafômetro. Também foi notado que o jovem estava dirigindo sem portar habilitação.

Mulher agredida foi internada

Após a abordagem, a vítima foi levada para o Hospital Municipal de João Pinheiro onde precisou ser internada, devido à gravidade das lesões.

A polícia realizou a prisão em flagrante do marido e o encaminhou para a delegacia. De acordo com a PMRv, ele pode responder pelos crimes de lesão corporal grave e embriaguez ao volante.

Nesta terça-feira (5), o portal G1 entrou em contato com a Polícia Civil para saber os desdobramentos do caso. A corporação deu a informação de que o marido prestou depoimento e depois, foi autuado pelos crimes de lesão corporal praticada no âmbito doméstico e familiar e por dirigir embriagado. Logo após a autuação, o jovem de 21 anos foi encaminhado para o sistema prisional.

Fonte: G1

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo