Noticias

INTERPOL: entenda o que é e qual a sua função

O que é a INTERPOL

A Interpol (Organização Internacional de Polícia Criminal) é uma entidade internacional dedicada à cooperação entre agências policiais de diversos países para enfrentar uma ampla variedade de crimes. Seu foco principal é combater crimes como o crime organizado e o terrorismo.

Embora o trabalho da Interpol não tenha o glamour que muitas vezes é retratado no cinema, a organização desempenha um papel vital na promoção da segurança global e na melhoria dos esforços para enfrentar ameaças transnacionais.

A Interpol se distingue das agências policiais convencionais, uma vez que não emite mandados de prisão nem mantêm instalações prisionais. Em vez disso, a organização atua como um facilitador na colaboração entre as autoridades de diferentes países, desempenhando um papel crucial como uma espécie de “ponte” internacional no combate ao crime. Por exemplo, se um suspeito procurado pelas autoridades policiais brasileiras estiver na Itália, a Interpol é uma organização acionada para coordenar a comunicação e a cooperação entre as autoridades policiais dos dois países, desempenhando um papel fundamental na busca e no cumprimento da lei em escala global e garantindo a aplicação da lei penal.

canalcienciascriminais.com.br interpol entenda o que e e qual a sua funcao image
Imagem: The Heritage Foundation

Leia mais:

Justiça Federal condena hacker Walter Delgatti por acusar procurador da Lava Jato de receber propina da Petrobras

Conheça o cão responsável pela captura do brasileiro que ficou 14 dias foragido nos EUA

Como a Interpol foi criada

A Organização Internacional de Polícia Criminal foi criada no dia 7 de setembro de 1923. Antes disso, autoridades policiais cooperavam apenas em casos específicos, especialmente países que dividiam uma fronteira, no entanto, não existia um quadro formal de cooperação internacional.

Atualmente, como parte de seu esforço para alcançar seus objetivos, a Interpol mantém uma vasta base de dados contendo informações sobre pessoas procuradas em todo o mundo, incluindo receitas digitais, informações de passaportes e até amostras de DNA.

Além de sua sede central, que está localizada em Lyon, França, a Interpol distribui escritórios regionais em várias partes do mundo, incluindo Argentina, El Salvador, Tailândia, Costa do Marfim, Quênia, Zimbábue e Nova York, que funciona como uma espécie de ligação especial com as Nações Unidas. Para manter essa ampla infraestrutura, cada país membro faz contribuições financeiras, cujos montantes variam de acordo com a magnitude de sua economia. 

Confira mais detalhes sobre a Interpol:

Fonte: UOL

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo