- Publicidade -

Jogador sofre golpe de mulher que se passava por Alessandra Ambrósio

- Publicidade -

O jogador de vôlei italiano Roberto Cazzaniga teria caído em golpe da internet e se apaixonado por mulher que se passava pela modelo Alessandra Ambrósio. O suposto “cupido” do casal foi uma moça conhecida como Valéria, que seria amiga do jogador.

- Publicidade -

O relacionamento à distância durou por volta de 15 anos. A suposta namorada se apresentava como Maya e enviava fotos da famosa modelo brasileira Alessandra Ambrósio para o companheiro, afirmando ser ela.

Ao longo da relação, a golpista “desabafava” com o jogador que estava passando por problemas de saúde, afirmava ter doenças cardíacas e alegava não ter condições financeiras para lidar com a situação. Chegou a narrar que estava na UTI, fazendo uma cirurgia.

Comovido e apaixonado pela moça das fotos, Roberto Cazzaniga chegou a transferir 700 mil euros (R$ 4,3 milhões) para sua então namorada. Segundo a mídia, até empréstimos precisaram ser feitos pelo jogador de vôlei.

A farsa foi desmascarada por um programa de televisão da empresa italiana Mediaset, depois da família do jogador desconfiar do comportamento da namorada virtual e buscar evidencias do golpe.

- Publicidade -

Após a exibição da notícia do golpe sofrido na TV, Roberto Cazzaniga prestou queixa na polícia, e o fato já está sendo apurado pelas autoridades italianas.

- Publicidade -

Segundo o programa de TV, a amiga de Roberto que teria apresentado o casal mora em uma ilha de Sardenha. Quando questionada pelo canal televisivo sobre o seu envolvimento no suposto estelionato, apenas afirmou ser amiga de Maya, a então namorada do jogador, e que não tinha nada a dizer e que, independentemente do que dissesse, o jogador não acreditaria.

Tudo ainda está investigado pelas autoridades competentes.

Leia também

STJ: não há bis in idem se não utilizado o mesmo argumento na análise de duas etapas da dosimetria da pena


- Publicidade -

Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais