- Publicidade -

Mãe de moça morta pelos amigos recebeu mensagens dos suspeitos

- Publicidade -

A mãe de Ariane Bárbara Laureano de Oliveira, moça de 18 anos, assassinada pelos próprios amigos, recebeu uma mensagem de um deles um dia antes do corpo da vítima ser encontrado pela polícia em Goiânia. A mensagem dizia, de acordo com a mãe da menina:”meus mais sinceros pêsames. Eu amo sua filha. Ela não merecia isso”.

- Publicidade -

Segundo a mãe da vítima, a cabeleireira Eliane Laureano da Silva, a mensagem foi enviada por um dos suspeitos presos, investigados pela morte da jovem. Os três suspeitos: Jeferson Cavalcante Rodrigues, de 22 anos, Raíssa Nunes Borges, de 19, e Enzo Jacomini Carneiro Matos, de 18, que usa o nome de Freya, foram presos na última quarta-feira (15/9). 

A mãe disse, ainda, que a jovem sempre saía com os suspeitos:

“Ariane saía muito e sempre me mandava vídeos com quem ela estava, inclusive, vídeos com eles. Na pista de skate, eles sempre estavam. No dia, ela estava pronta para dormir e eles a tiraram de casa. A chamaram para morte.”

Segundo informações prestadas pela polícia, Ariane Barbara foi morta a facadas pelos amigos, porque um deles queria “testar” se era psicopata. A vítima teria sido a escolhida, pois seria pequena o que facilitaria a contenção dela em casa de resistência. Ela foi encontrada em 31 de agosto depois de sete dias desaparecida.

- Publicidade -

- Publicidade -

Uma outra mensagem de uma outra suposta amiga de Ariane foi recebida pela mãe de Ariane, via Instagram. A menina que supostamente enviou a mensagem é menor de idade e teria presenciado o homicídio. Na mensagem ela pede perdão à mãe de Ariane por não ter impedido o que presenciou.

Leia também

Jovens em Goiânia matam amiga como teste de psicopatia

Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais