ArtigosColunas EspeciaisCrimes que Chocaram o Mundo

Onde está Madeleine?


Por Cezar de Lima e Felipe Faoro Bertoni


Eis a pergunta que permanece sem reposta até hoje. O desaparecimento de Madeleine, 3 anos de idade, em 2007, além de ter ocupado os sites de notícias internacionais, trouxe à baila indagações sobre o tráfico internacional de pessoas, hipótese investigativa aventada na investigação referente ao desaparecimento da menina britânica. Essa modalidade criminosa afeta milhares de indivíduos no mundo inteiro que acabam sendo tratados como produtos de comércio, pois são capturadas por traficantes por conta da situação de vulnerabilidade que envolve a vítima.

É importante salientar, contudo, que não está esclarecido sobre se Madeleine foi sequestrada, se desapareceu por conta própria ou se seu sumiço teve o envolvimento de seus pais.

O CASO

Era verão na Praia da Luz, na região de Algarve, em Portugal. Uma família britânica escolheu um resort para passar as férias. No dia 3 de maio de 2007, os pais da menina, Kate e Gerry, deixaram seus três filhos dormindo no quarto do hotel e foram jantar. Madeleine dormia no quarto com seus irmãos gêmeos Sean e Amelier. Quando os pais retornaram ao quarto Madeleine havia desaparecido.

Desde então foram muitas investigações desencontradas que até hoje não chegaram nem perto do paradeiro da menina. Os pais, penalizados com o sentimento de culpa por terem deixado os filhos sozinhos no hotel, também foram considerados suspeitos no desaparecimento, porém tal acusação não se confirmou verdadeira.

madeleine2

A pequena Madeleine McCann

O casal segue, 9 anos depois do desaparecimento, em busca de respostas e explicações sobre o paradeiro de Madeleine, tendo, inclusive, contratado um serviço especializado para reproduzir uma imagem fictícia de como seria Madeleine hoje em dia, sendo isso, um claro sinal de que os pais mantêm viva a esperança de encontrar a filha.

OS PAIS

Em 2011, insatisfeitos com o trabalho investigativo da polícia portuguesa e inglesa, os pais de Madeleine enviaram uma carta ao primeiro-ministro David Cameron, através do jornal inglês The Sun, pedindo uma revisão independente e transparente de todas as informações coletadas sobre o desaparecimento. A resposta do primeiro-ministro foi positiva, indicando que a polícia inglesa iniciaria uma revisão no caso.

Os pais de Madeleine, Kate e Gerry McCann

Apenas 7 anos depois do desaparecimento, em uma operação conjunta entre policiais britânicos e portugueses, foi delimitado um campo de busca próximo ao hotel onde ocorreu o fato com o intuito de buscar pistas relacionadas ao desaparecimento da menina, porém, nenhum indício foi encontrado.

OS APROVEITADORES

Infelizmente, quando um caso triste ganha espaço na mídia abre-se espaço para oportunistas se aproveitarem da situação fragilizada das vítimas. Tal  situação ocorreu com os pais de Madeleine. Devido aos contornos dramáticos do caso, e com a ampla divulgação dos jornais pelo mundo, a polícia portuguesa chegou a prender suspeitos que foram acusados de tentar extorquir os pais da menina em troca de informações sobre o seu paradeiro.

madeleine-y-a

Madeleine antes e atualmente (projeção computadorizada)

Apesar dessas prisões, nenhum depoimento contribuiu para que as investigações progredissem em descobrir algum sinal de onde a vítima estaria.

cezar2

_Colunistas-FelipeFaoro

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Tags

Cezar de Lima

Advogado (RS)

Felipe Faoro Bertoni

Advogado (RS) e Professor

ARTIGOS RELACIONADOS

Fechar