Noticias

Policial surta, atira em colega dentro de viatura e tira a própria vida

Um policial militar assassinou um colega de corporação, com um disparo de arma de fogo. A vítima foi atingida com um tiro em sua cabeça. O caso aconteceu neste domingo, 14 de janeiro. Logo após o assassinato, o autor do disparo tirou a própria vida. Os dois agentes eram integrantes da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF).

O assassinato aconteceu no Recanto das Emas. O soldado Yago Monteiro Fidelis, vítima do disparo, chegou a ser levado em estado gravíssimo ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT), no entanto, não sobreviveu. O responsável pelo assassinato foi o segundo-sargento Paulo Pereira de Souza.

Policial surta, atira em colega dentro de viatura e tira a própria vida
Segundo-sargento Paulo Pereira de Souza – Foto: Reprodução/Metrópoles

Leia mais:

Lula sanciona lei que coloca bullying e cyberbullying no código penal; confira os detalhes

Mistério no lago: polícia investia corpo que apareceu boiando e assustou banhistas

Como o policial foi morto?

De acordo com informações iniciais, o caso aconteceu dentro de uma viatura da PM. Estavam no veículo o segundo-sargento Diogo Carneiro dos Santos, condutor; o soldado Yago, sentado no banco do carona e Paulo, responsável pelo disparo, na parte de trás.

Paulo teria disparado contra a cabeça do soldado que estava ao lado do motorista. O outro policial, condutor do veículo, conseguiu escapar antes de ser atingido.

O caso deve ser investigado pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da 27ª Delegacia de Polícia.

Fonte: Metrópoles

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo