Noticias

Policial pede menina de 15 anos em casamento na porta de escola e choca o Brasil

Policial Militar é acusado de pedofilia após pedido de casamento para menina em escola de Pernambuco

Um vídeo que rapidamente circulou nas redes sociais provocou indignação entre os usuários, nele é apresentado uma situação chocante ocorrida na cidade de Toritama, localizada no estado de Pernambuco. Como confirmado pela própria Polícia Militar de Pernambuco ao portal iG, um Policial Militar pediu em casamento uma menor de idade na saída da escola onde a mesma estuda.

O crime de pedofilia é caracterizado por qualquer situação que envolva a realização de atos sexuais ou libidinosos com crianças ou adolescentes menores de 14 anos, de acordo com o Código Penal Brasileiro.

policial
Momento em que o policial pediu a adolescente em casamento. Imagem: IG

Leia mais:

Como explicar o fascínio do público pelos crimes reais?

Produções audiovisuais de ‘true crime’ ajudam em temas relevantes para a sociedade; entenda como

Quem é o policial envolvido na polêmica

O policial não identificado, que supostamente pertence ao Batalhão Especializado de Policiamento no Interior (BEPI) da Polícia Militar de Pernambuco, tem, aparentemente mais de 30 anos. Ele estava no portão da escola da menina segurando um buquê de flores e uma caixa com alianças, enquanto outro PM filmava a cena.

Como os presentes reagiram a essa situação?

De acordo com o vídeo que circulou na internet, as pessoas que estavam presentes ao redor da cena pareciam reagir com normalidade, inclusive rindo e comemorando o fato, o que sugere que o policial já tinha um relacionamento prévio bem conhecido com a menor.

Qual foi a reação da Polícia Militar de Pernambuco?

Declarou a assessoria de imprensa da Polícia Militar ao portal iG, que a situação do vídeo realmente aconteceu. O comandante do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (BEPI), onde o policial militar atuava, iniciou um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) para investigar melhor as circunstâncias do caso.

Como o casamento infantil é tratado no Brasil?

O casamento infantil é uma realidade muito preocupante, pois se trata de um fator de perpetuação da pobreza e desigualdade, colocando em risco o futuro de muitas meninas. Mesmo que o Brasil permita o casamento de menores a partir dos 16 anos, desde que tenha a autorização da família, ainda é um dos países que apresenta maior número de casamentos de menores em todo o mundo.

Estimativas da ONG Girls not Brides (“Meninas, não noivas”) indicam que mais de 2,2 milhões de adolescentes brasileiras são casadas, o que representa 36% das menores de idade do país.

Fonte: Portal IG

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo