Noticias

Prédio no coração de São Paulo abrigava esquema secreto de receptação de celulares roubados

Esquema de receptação de celulares roubados é desmantelado no centro de São Paulo

Um prédio no centro de São Paulo foi palco de uma operação policial nesta semana, levando à descoberta de um esquema de receptação de celulares roubados. Imagens do local mostram aglomerações de pessoas supostamente negociando os aparelhos eletrônicos furtados.

Um dos suspeitos, pego em flagrante, transportava mais de 50 aparelhos de telefonia móvel em uma mochila.

furto de celulares no carnaval
Foto: Reprodução/Consultor Jurídico

Leia mais:

Fato INUSITADO: Homem monitorado por dois estados é preso usando duas tornozeleiras eletrônicas

Arrependido? Veja como foi o julgamento do peruano acusado de matar duas brasileiras no Japão

Celulares destinados a transações ilegais e até exportação

Além de revender os dispositivos, os criminosos os utilizavam para transações bancárias, roubo de dados pessoais, comercialização de peças e até exportação. Os destinos mais comuns são países africanos, incluindo o Senegal, onde o bloqueio de operadoras brasileiras não é eficiente.

“Essa operação é o resultado de uma investigação intensiva que revelou uma rede complexa de atividades criminosas”, disse Wagner Carrasco, delegado da 1ª DIG/DEIC. “E, infelizmente, as vítimas muitas vezes não recuperam seus bens porque eles são rapidamente enviados para países onde nossos métodos de bloqueio não funcionam”.

De janeiro de 2023 até agora, 640 pessoas foram presas

Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP), de janeiro de 2023 até agora, 640 pessoas foram presas em operações contra a receptação na capital, com mais de 5.6 mil aparelhos de celular apreendidos.

Uma dessas vítimas, o cabeleireiro Iranildo Mendes, teve seu celular roubado durante um bloco de carnaval. “Segurei um dos ladrões, mas haviam muitos. Tomei um soco no olho que sangrou”. Mendes conseugiu rastrear seu celular até a rua Guianeses, mas não consegui pousição judicial para recuperar seu aparelho.

Número de furtos e roubos de celulares diminui em 48% no Carnaval paulistano

Embora atividades ilícitas como estas persistam, a Secretaria de Segurança Pública registou uma diminuição de 48% nas ocorrências de furtos e roubos de celulares em São Paulo durante o período do Carnaval de 2024, em comparação à festividade de 2023. Nos bloquinhos da capital, 59 suspeitos foram presos em flagrante, resultando na recuperação de 189 celulares e quase 600 cartões bancários.

Resta saber quais medidas adicionais serão tomadas para desmantelar organizações criminosas na recepção e comércio de bens furtados, garantindo assim a segurança da população e de seus pertences pessoais.

 

Redação

O Canal Ciências Criminais é um portal jurídico de notícias e artigos voltados à esfera criminal, destinado a promover a atualização do saber aos estudantes de direito, juristas e atores judiciários.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo