Primos são presos por assassinar idoso queimado e esconder corpo em lixão

O idoso sofria diversas extorsões da suspeita

A Polícia Civil do Goiás realizou a prisão de um homem e uma mulher, ambos primos, pelo crime de homicídio qualificado contra um idoso de 70 anos. A operação foi realizada pelo Grupo Especial de Repressão a Crimes Patrimoniais e do Grupo de Investigação de Homicídios de Luziânia. A mulher, de 39 anos, foi presa na última quarta-feira (19), no Gama (DF), e o homem no dia 4 de julho.

Leia mais:

Revelada a primeira imagem de Daniel Alves detido por crime sexual na Espanha”

Fisioterapeuta envolvida com crime organizado ganha prisão domiciliar para tratamento

Os primos carbonizaram o corpo e o esconderam em um lixão

De acordo com as informações do órgão, o idoso foi dado como desaparecido no dia 8 de dezembro de 2022, em Luziânia (GO), no entorno do DF. Após tomar conhecimento dos fatos, a equipe policial iniciou as buscas e localizou o cadáver no dia 13 de junho, carbonizado e escondido em um lixão da mesma cidade.

As investigações revelaram que a motivação do crime foi a subtração de bens e valores da vítima, visto que a mulher era uma pessoa próxima e tinha por costume solicitar empréstimos e extorqui-la. Os agentes investigativos descobriram ainda que o idoso contratou empréstimos, sob efeito de drogas tranquilizantes, em benefício da suspeita.

Em relação ao indiciado do sexo masculino, as provas indicam que ele foi o responsável pela ocultação e carbonização do cadáver da vítima.

Os primos estavam foragidos desde fevereiro de 2023 e já ambos têm antecedentes policiais. Ele foram indiciados pela autoridade policial, e recolhidos nos presídios locais, onde permanecem à disposição do Poder Judiciário para julgamento.

primos
Primos são presos após carbonizarem idoso e esconderem o corpo em lixão

Fonte: Polícia Civil do Goiás