Noticias

True Crime: produção da Netflix investiga misterioso homicídio e faz sucesso no mundo todo

Homicídio na Costa do Sol: O impactante documentário de true crime da Netflix

A mais recente entrada na onda de sucesso de filmes e séries do gênero true crime na Netflix é o documentário “Homicídio na Costa do Sol“. O filme na Netflix, que já está atraindo elogios pela forma como lida com a sua história sem apelar para sensacionalismo, aborda um caso que chocou a Espanha há duas décadas.

No centro do drama está o desaparecimento e a consequente morte de Rocio Wanninkhof, uma jovem de 19 anos que sumiu sem deixar rastros na região de Málaga, em 1999. Mas o que exatamente aconteceu? E como a narrativa fascinante de Homicídio na Costa do Sol retrata os eventos? Continue lendo para saber mais.

Netflix
True Crime: produção da Netflix investiga misterioso homicídio e faz sucesso no mundo todo 2

LEIA MAIS:

STJ: Pavor causado por miliciano permite pronúncia por testemunho indireto

Julgamento do STF sobre a legalidade do aborto começa na próxima sexta (22)

O desaparecimento de Rocio Wanninkhof

O documentário começa com a história do desaparecimento de Rocio. No dia em que estava programada para encontrar-se com amigos em uma feira local, a jovem simplesmente não compareceu. No dia seguinte, seus sapatos ensanguentados foram encontrados e um rastro de sangue foi identificado, mas a investigação não conseguiu localizar seu corpo.

O impacto na comunidade

O desaparecimento de Rocio abalou profundamente a comunidade de La Cala de Mijas. Os moradores se uniram aos familiares para buscar a jovem, e os media locais e nacionais trouxeram uma cobertura intensiva para o caso.

Infelizmente, após 25 dias de buscas, um corpo em estado avançado de decomposição foi encontrado e posteriormente identificado como sendo de Rocio. A comunidade em choque acompanhou com tristeza o enterro da jovem, ainda sem entender quem poderia ter cometido um crime tão bárbaro.

Os desdobramentos do caso na Netflix

A história ganha um novo capítulo quando as investigações da polícia apontam como principal suspeita Dolores Vázquez, madrasta de Rocio. Embora não houvesse evidências físicas conectando-a ao crime, ela foi acusada com base em seu suposto “perfil psicológico” e condenada a 15 anos de prisão, apesar de insistir em sua inocência.

Entretanto, quatro anos depois, uma nova tragédia semelhante choca a região: o desaparecimento e morte de outra jovem, Sonia Carabantes. A semelhança com o caso de Rocio causa uma reviravolta no caso, trazendo à tona a questão: Dolores seria realmente a culpada ou seria inocente, vítima de um erro judicial?

O veredicto

O desfecho dessas histórias, você só vai descobrir ao assistir “Homicídio na Costa do Sol”. A produção promete fornecer um retrato detalhado e sensível dos acontecimentos, sem cair no sensacionalismo frequentemente relacionado a casos do gênero. Com certeza, essa é uma adição essencial ao seu catálogo de true crime na Netflix!

Redação

O Canal Ciências Criminais é um portal jurídico de notícias e artigos voltados à esfera criminal, destinado a promover a atualização do saber aos estudantes de direito, juristas e atores judiciários.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo