Noticias

Professor de anatomia da UEA é acusado de tráfico de órgãos

A 4ª Vara Criminal de Manaus autorizou o início da Operação Plastina, deflagrada pela Polícia Federal. Na ocasião, foram cumpridos mandados de busca e apreensão na casa de H. B. P., professor da disciplina de Anatomia da Escola Superior de Saúde da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). O docente é acusado de ter enviado uma mão e três placentas de Manaus para Singapura, na Ásia.

De acordo com informações preliminares da Polícia Federal, há indícios de que o professor tenha postado uma encomenda com os órgãos humanos para um designer indonésio famoso por vender acessórios e peças de roupas utilizando materiais de natureza humana. A polícia realizou buscas na casa do professor e no laboratório de Anatomia da ESA/UEA.

Segundo a universidade, B. é professor desde 2013, e trabalha no laboratório realizando técnicas de plastinação, procedimento técnico de preservação de matéria biológica, desde o ano de 2017. A reitoria informou que conforme decisão judicial, o docente foi afastado do cargo pelo prazo de 30 dias.

Leia também

Cantor Eduardo Costa é condenado por difamação


Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo