Série documental da Netflix mostra caso CHOCANTE de mulher que acusou o marido do assassinato de 9 mulheres

Quem é Monique Olivier e qual a sua ligação com Michel Fourniret?

Monique Olivier é a ex-esposa de Michel Fourniret, um dos assassinos em série mais notórios da França. Eles se conheceram em 1980, quando Fourniret estava cumprindo pena por assalto e estupro. Durante sua prisão, ele escreveu uma carta em busca de uma mulher que compartilhasse de suas perversões sexuais, e Monique respondeu. Eles se casaram em 1989 e tiveram um filho juntos.

A cumplicidade de Monique nos crimes de Michel veio à tona após a prisão do casal, em 2003. A princípio, ela alegou ser vítima de um relacionamento abusivo com Fourniret e que não participou dos assassinatos. No entanto, investigadores e promotores afirmaram que existe evidência de que Monique desempenhou um papel ativo em ao menos alguns dos crimes cometidos por seu marido.

LEIA MAIS:

Quanto custou a investigação do caso Madeleine McCann?

Suspeito de sequestrar Madeleine McCann pode sair da prisão antes do fim da investigação, segundo site

A personalidade e motivação em A Cúmplice do Mal: Monique Olivier

A série documental da Netflix aborda questões importantes sobre a personalidade de Monique Olivier e sua motivação para auxiliar no planejamento e execução dos crimes. Seria ela uma vítima manipulada e coagida por Fourniret, ou teria sido realmente a cúmplice ativa dos atos horrendos de seu marido?

Em alguns momentos, é apresentado um retrato de Monique como uma mulher manipuladora, fria e calculista. Em outros, como uma vítima de um relacionamento abusivo, que mergulhou em um universo de perversões ao lado do marido, e que apenas cedeu aos horrores praticados por ele, temendo por sua própria vida e do filho do casal. As contradições e ambiguidades são marcantes em toda a série, o que torna a história ainda mais intrigante.

canalcienciascriminais.com.br a cumplice do mal monique olivier serie documental impactante sobre um casal assassino monique olivier
Série documental da Netflix mostra caso CHOCANTE de mulher que acusou o marido do assassinato de 9 mulheres 2

Por que assistir a A Cúmplice do Mal: Monique Olivier?

A série documental A Cúmplice do Mal: Monique Olivier é um verdadeiro mergulho no universo sombrio dos crimes cometidos pelo casal. Além de trazer à tona todas as pistas, depoimentos e decisões judiciais envolvendo o caso, a série também explora a dinâmica entre Monique e Michel.

Para quem é fã de documentários e séries de crimes reais, A Cúmplice do Mal traz uma história de arrepiar, com reviravoltas e mistérios. A produção é bem realizada, o enredo é envolvente e os relatos apresentados são surpreendentes, fazendo com que o telespectador fique preso à trama até o fim.

Em resumo, A Cúmplice do Mal: Monique Olivier é uma série documental imperdível para quem se interessa por casos criminais reais e investigações policiais. A história de Monique Olivier e Michel Fourniret certamente não deixa ninguém indiferente e vai proporcionar momentos de angústia e suspense àqueles que ousarem aventurar-se por seus episódios.