• 3 de abril de 2020

Eu, advogada porta de cadeia?

Eu, advogada porta de cadeia? Neste artigo falarei sobre as chibatadas no lombo da advogada (o) criminalista. E o farei com sinceridade, sem ocultar a dureza desta realidade. Por isso, perdoem-me se algumas palavras parecerem ser especialmente difíceis de aceitar. Eu entendo, são expressões difíceis de digerir, mas repito: assim é a realidade em torno […]Leia Mais

Desilusões de uma velha advogada criminalista

"Nos quarenta e dois anos de efetivo exercício da advocacia, exclusivamente na área penal, acompanhei com muita tristeza e preocupação o desenrolar de uma campanha até agora vitoriosa, que tem como objetivo denegrir e principalmente acabar com o direito de defesa..."Leia Mais