• 1 de junho de 2020

Magistrado aplica perdão judicial a réu que sofreu acidente grave

Magistrado aplica perdão judicial a réu que sofreu acidente grave O magistrado Paulo Bueno de Azevedo, da 1ª Vara Federal de Assis (SP), absolveu um réu acusado do crime de descaminho e que, alguns anos após a ocorrência dos acontecimentos, foi vítima de um grave acidente que o deixou paraplégico. Na decisão, o julgador citou o […]Leia Mais