- Publicidade -

TJMG: acusados de roubo de carga de queijo causaram prejuízo de R$ 150 mil

- Publicidade -

Quatro réus foram condenados por organização criminosa e por roubo de 5,5 toneladas de queijo muçarela no Vale do Rio Doce (MG). O prejuízo com a perda da carga de laticínios foi orçado em cerca de R$ 150 mil. Entre os apenados há um vereador da região. A decisão foi da juíza Luciana Mara de Faria, da 1ª Vara Cível, Criminal e de Execuções Penais da Comarca de Ipanema (MG).

- Publicidade -

De acordo com a denúncia, foi apurado que os criminosos rederam o motorista do caminhão que levava os laticínios na madrugada do dia 25 de março do ano passado. Os criminosos, armados, emboscaram o caminhão na passagem da BR-474, próximo à cidade mineira de Pocrane.

O vereador envolvido passou aos bandidos o trajeto do caminhão. Três dos criminosos detiveram o caminhão e realizaram o assalto. Um outro integrante recebeu a carga para realizar a distribuição dos produtos. Uma sexta pessoa, segundo o Ministério Público (MP), foi a mentora dos crimes.

A carga transportada era de 54 barras de queijo muçarela, mais 65 caixas do produto, somando 5,5 toneladas de queijo ao todo. Os donos da empresa estimaram o prejuízo de cerca de R$ 150 mil com a perda da carga e de certas peças do veículo.

A juíza determinou que os réus respondam solidariamente pelo dano causado a empresa de laticínios em R$ 150 mil. Além disso, o mandante teve a pena cominada em 19 anos, 6 meses, 9 dias de reclusão e deverá pagar 399 dias-multa. O vereador, em 14 anos, 8 meses, 10 dias e ao pagamento de 203 dias-multa. Já o responsável por render o motorista do caminhão, em 22 anos e 2 meses e pagar 562 dias-multa. Para outro envolvido, que tinha outra condenação, a pena foi cominada em 16 anos, 11 meses, 25 dias e o pagamento de 347 dias-multa.

- Publicidade -

- Publicidade -

Outros dois acusados de executar o assalto tiveram o processo desmembrado e respondem pelas mesmas acusações em ação pendente de sentença.


Leia também

Mãe de 5 filhos é presa por furtar dois pacotes de miojo em SP


Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

- Publicidade -

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais